Home
Agenda

Cinema na Casa das Artes

Porto | 01 de Fevereiro de 2018 até 24 de Fevereiro de 2018

O mês de fevereiro é dedicado ao tema da Morte [fim, recomeço e redenção] e como esta temática é abordada das mais variadas maneiras ao longo dos oito filmes propostos.

O mês abre com o filme do tailandês Apitchapong Weerasethakul “O tio Boonmee que se lembra das suas vidas anteriores”, uma história sobre reencarnação e fantasmas. Segue-se o filme de Piero Messina “A espera” que relata a história de uma mãe que, em plena época pascal, adia o luto do filho não revelando à namorada a morte dele.

Na semana seguinte é exibido “Solaris” do realizador russo André Tarkovsky, um filme meditativo onde se aborda o tema do luto e da tentativa de recomeço. Na mesma semana, é apresentado o último filme realizado pelo Nanni Moretti, “Mia madre”, sobre a dor da partida antes mesmo dela se consumar.

Na semana de 15 e 17, são exibidos “O sabor da Cereja” de Abbas Kiarostami e “Lucky” de John Carroll Lynch, onde o tema da morte é tratado com delicadeza e humanismo não faltando por vezes algum humor.

Na última semana do mês, é projetado o filme português “A floresta das Almas Perdidas”apresentado pelo seu realizador e que foi considerado pela Newsweek um dos melhores filmes de terror de 2017.

No dia 24 de fevereiro, é exibido o mais recente filme de Fatih Akin “Uma mulher não chora” que venceu o prémio de melhor atriz no festival de Cannes onde também esteve nomeado à Palma de Ouro e foi vencedor do Globo de Ouro de melhor filme estrangeiro.

 

Programa:

Quinta, 1 de fevereiro, 21h30: “O tio Boonmee que se lembra das suas vidas anteriores”

Apichatpong Weerasethakul

 

Sábado, 3 de fevereiro, 18h: “A espera”

Piero Messina

 

Quinta-feira, 8 de fevereiro, 21h30: “Solaris”

Andrei Tarkovsky

 

Sábado, 10 de fevereiro, 18h: “Minha Mãe”

Nanni Moretti

 

Quinta-feira, 15 de fevereiro, 21h30: “O Sabor da Cereja”

Abbas Kiarostami

 

Sábado, 17 de fevereiro, 18h: “Lucky”

John Carroll Lynch

 

Quinta-feira, 22 de fevereiro, 21h30: “A floresta das almas perdidas”

José Pedro Lopes

 

Sábado, 24 de fevereiro, 18h: “Uma mulher não chora”

Fatih Akin

 

Casa das Artes

© Rádio Nova
todos os direitos reservados
versão PC