Taxa de desemprego baixa para 8,5% no terceiro trimestre

08 de Novembro de 2017 | por Público
Taxa de desemprego baixa para 8,5% no terceiro trimestre

A taxa de desemprego continuou a cair no terceiro trimestre, tendo atingido 8,5% da população activa. Os dados foram revelados nesta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) e apontam para uma redução de 0,3 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior (8,8%) e de dois pontos percentuais em comparação com o mesmo período de 2016 (10,5%).

No final de Setembro havia 444 mil pessoas desempregadas, menos 17.400 do que no trimestre anterior, uma redução que, segundo o INE, “está em consonância com os decréscimos usualmente observados nos terceiros trimestres desde 2013”. Na comparação com 2016, a redução foi mais acentuada, correspondendo a menos 105.500 desempregados.

O desemprego de longa duração continua a reduzir-se, assim como a proporção de desempregados que procuram emprego há 12 e mais meses que ficou nos 57,3%, tendo diminuído 1,9 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior e 5,8 pontos em relação ao período homólogo.

A destoar do clima geral de melhoria do mercado de trabalho estão os jovens. Embora a taxa de desemprego da população entre os 15 e os 25 tenha caído em relação ao ano passado, registou uma subida em cadeia de 22,7% para 24,2%.

Também o indicador que olha para os jovens dos 15 aos 34 anos que não estavam empregados, nem em educação ou formação (que usa a sigla NEET na designação inglesa) registou um agravamento face ao trimestre anterior, representando agora 11,8% do total.

A tendência decrescente do desemprego verifica-se desde 2013 e no segundo trimestre a taxa já tinha ficado abaixo dos 9% pela primeira vez em mais oito anos.

Nos dados mensais do desemprego, também publicados pelo INE, Portugal já tinha baixado a barreira dos 10%. Mas este indicador tem por base um universo e uma metodologia diferentes da taxa de desemprego trimestral. Nas estimativas trimestrais o INE considera a população com 15 e mais anos e os valores não são ajustados de sazonalidade.

No Programa de Estabilidade apresentado em Abril, o Governo prevê uma taxa de desemprego de 9,9% para o conjunto do ano de 2017, o mesmo valor estimado pela Comissão Europeia em Maio. O indicador agora publicado indicia que a taxa de desemprego possa vir a superar a expectativa do executivo.

deixe-nos o seu comentário
voltar
em destaque
últimos podcasts
Blê Blê Blê - 22 de Novembro de 2017
Pré Visão - 22 de Novembro de 2017
Universo Paralelo - 22 de Novembro de 2017
A Bola é nossa - 22 de Novembro de 2017
GPS - 22 de Novembro de 2017
os nossos ouvintes
powered by hojenet © Copyright Rádio Nova 2016 - Todos os direitos reservados